Textos > Referências Bibliográficas

Referências Bibliográficas

Você encontra aqui uma lista dos principais livros que inspiraram esta proposta pedagógica. Para não deixar esse conjunto de referências ainda mais extenso, apenas alguns artigos foram citados, e eu preferi deixar de fora os textos e autores consultados pela Internet. 

Através do espaço de Contato do site você pode solicitar outras referências, esclarecer dúvidas, etc.

Apesar de minha paixão por textos e por teorias, tenho total consciência de que outras pessoas podem trabalhar excelentemente a partir de referenciais teóricos muito diferentes e, mais ainda, de que educar crianças, cotidianamente, é uma tarefa que exige muito mais do que conhecimentos teóricos, e que pode ser levada a termo com enorme eficiência até mesmo por pessoas com baixos níveis de escolaridade formal.

Essa foi uma das principais lições que aprendemos no Projeto Araucária, em mais de uma década de trabalho de qualificação em serviço junto a redes de creches em que educadoras “leigas” atuavam nas salas. Por mais conhecimentos que tivéssemos, dentro da Universidade Federal do Paraná, aprendemos imensamente com a capacidade demonstrada por muitas destas educadoras para “atirar-se no chão” com os bebês e crianças, para estabelecer um bom contato e para criar ambientes lúdicos que produziram resultados de aprendizagem surpreendentes.

Por isso, não é possível concluir essa apresentação dos referenciais teóricos sem, mais uma vez, render homenagens às educadoras que, com baixo grau de escolaridade, nos ensinaram que, com ou sem diploma, e mesmo na ausência de qualquer formação teórica em Psicologia ou Pedagogia, gostar de crianças e ter prazer em misturar-se a elas é o principal ponto de partida para a formação de uma boa educadora ou de um bom educador infantil.

 
PDF
 

Não tem PDF Reader? Clique aqui para baixar.



A História do Pequeno Reino